Menu

2048 - O vício

Ao contrário de muita gente eu gosto de joguinhos. São bons para passar o tempo e desestressar um pouco dos compromissos do dia a dia. E daí que um amigo me apresentou o joguinho 2048. Pronto! Virou um vício e só sosseguei quando consegui o quadrinho 2048.

Passei o joguinho adiante e agora tenho um monte de amigos viciados hahahaha como sou má!!!

Para quem quiser se viciar também entre nessa página.


19 de 52 semanas: Meus seriados preferidos

Não sou de assistir seriados, portanto conheço poucos. Dos que assisti os que mais gostei são (não necessariamente nesta ordem):

1 - The Tudors
The Tudors é uma série televisiva que recria os primeiros e tumultuosos anos do reinado de Henrique VIII da Inglaterra. Paixão, ambição e traição se transformam no fio condutor deste drama televisivo, que mostra um Henrique VIII muito diferente do que aparece nos livros de história. Jovem, atraente e poderoso, mostra-se um rei da Inglaterra capaz de grandes proezas atléticas. Sem dúvida alguma, um monarca que não colocava os assuntos de Estado entre suas prioridades e que sempre deixava os problemas oficiais nas mãos do Cardeal Tomas Wolsen. Para aqueles próximos de "Sua Majestade", satisfazer o rei era uma faca de dois gumes. Henrique VIII era até mesmo capaz de desafiar a instituição mais poderosa da Europa medieval: a Igreja Católica Romana. Também era conhecido por mandar executar seus súditos diante da mínima demonstração de insubordinação.


2 - Seis Graus de Separação (Six Degrees)
Existe uma conexão entre as pessoas? Que vidas estarão ligadas a você? Dizem que, neste planeta, as pessoas estão conectadas umas às outras por cadeias de seis pessoas, o que significa que ninguém permanece no anonimato… ao menos por muito tempo. Dos mesmos criadores das bem-sucedidas séries Lost e Alias, esta produção se debruça sobre seis nova-iorquinos muito diferentes, que mal podem imaginar o impacto que exercem nas vidas uns dos outros. Uma misteriosa rede de coincidências irá aproximá-los pouco a pouco, mudando seu destino para sempre. Será coincidência? Existirá uma força externa que nos guia para nos conectar a certas pessoas? As respostas a estas perguntas e muitas outras estão em "Seis Graus de Separação".


3 - Game of Thrones
Invernos podem durar uma vida inteira, e a batalha pelo Trono de Ferro já começou. Ela vai se estender do sul, onde intrigas, luxúria e traições são a lei; passando pelas terras vastas e selvagens do leste; até chegar ao norte gélido, onde uma parede de gelo protege o reino das forças negras que estão além dela. Reis e rainhas, guerreiros e renegados, traidores, lordes e homens honestos... Todos jogam a Jogo do Trono.


4 - Hilda Furacão
Hilda Furacão narra a vida de uma socialite que escandaliza a sociedade mineira dos anos 1950 e 1960 ao se transformar em meretriz.


05 - Presença de Anita
Livremente inspirada em obra homônima de Mário Donato, a minissérie apresentou uma história de obsessão, sedução e morte.


06 - A Casa das 7 Mulheres
Adaptação da obra homônima da gaúcha Letícia Wierzchowski mostra o papel das mulheres nos bastidores da revolta conhecida como Guerra dos Farrapos.


Esta postagem faz parte do Desafio das 52 Semanas.

18 de 52 semanas: Sinto saudades…

"Saudade é a nossa alma dizendo para onde ela quer voltar."
- Rubem Alves

Tenho saudades de algumas coisas, isso é bom, pois significa que vivi momentos bons o suficientes para serem guardados em algum canto da alma e que às vezes posso ter a ilusão de reviver tais momentos, bastando abrir a caixinha para me transportar no tempo. Mas por outro lado machuca, dói. Principalmente quando não podemos matar a saudade e sim, há coisas que passaram, e por mais cruel que seja, não voltam mais. Esse é o lado apavorante da saudade.

1 - Dos anos 80
2 - Da minha infância, da inocência e falta de preocupação, dos amigos que lá ficaram
3 - Dos tempos de escola, eu sempre adorei estudar... tive excelentes professores
4 - Da minha irmã
5 - Da minha avó

"Saudade é quando o momento tenta fugir da lembrança para acontecer de novo e não consegue."
- Adriana Falcão
Esta postagem faz parte do Desafio das 52 Semanas.

17 de 52 semanas: Personagens cuja vida eu gostaria de viver por um dia: (filmes, livros, seriados, etc)

01 -  Samantha Stephens
Para conseguir fazer todas as coisas em um passe de mágica e porque ela mexe o nariz daquele jeito hahahaha. Sonhaaa!!!!


02 - Kate Blackwell
A heroína mais amada e mais odiada de Sidney Sheldon, ao mesmo tempo em que poderia ser extremamente generosa a ponto de arriscar a própria vida para salvar um amigo, poderia ser extremamente má. Kate Blackwell era a herdeira de um império financeiro – uma fortuna construída sobre a exploração e o comércio de diamantes na África do Sul. No mundo dos negócios, ninguém era capaz de passá-la para trás. Há momentos em que amo Kate, há momentos em que eu a odeio. Mas eu gostaria de viver o lado bom dela, na vida dela, por um dia. Poderosérrima!!!


03 - Manuela de Paula Ferreira
Não por achar que a vida dela era ótima, pelo contrário. Como sofreu! Mas admiro a força, a dignidade, a honra e o discernimento dessa personagem. Seria, na vida real, uma mulher de grande valor.
Que diálogo o desta cena, meu Deus. Que diálogo!


04 - Bridget Jones
Só pra viver esta cena!


05 - Malévola
Well, well... Para usar este vestido e ter um corvo lindo daqueles. hahahaha


Esta postagem faz parte do Desafio das 52 Semanas.

16 de 52 semanas: Isso, pra mim, não é diversão

01 - Maus-tratos aos animais
Já inicio com um que repudio demais. Acho um absurdo uma pessoa judiar, maltratar um animal (seja de estimação ou não). E, quando se trata de um animal de estimação, eu faço a pergunta: Por que, criatura pífia, você resolveu ter um animalzinho se não era para faze-lo parte de sua família, com todo carinho, respeito e cuidado que devemos a todos os que pertencem à nossa família? Me explica, criatura do mal? Acha isso divertido, imbecil? Aff!

02 - Beber até cair
Como é que uma pessoa acha divertido ir a uma festa ou reunião com amigos e beber até ficar inconsciente? Você se diverte quando está inconsciente? Eu hein!!!!

03 - Drogas
Idem ao acima citado. Droga, droga, droga! Te orienta criatura, seja forte. Droga é para os fracos. Já ouvi falar que algumas pessoas caminham para as drogas para fugir de problemas, o mesmo acontece com o álcool. Cara, eu não consigo entender como alguém pode querer fugir de problemas arrumando outros problemas maiores. Sim, droga é um problemão, definitivo, na maioria dos casos, sem volta. Não há nada nas drogas que se relacione com diversão, curtição. Sai fora disso, colega! Enfrente seus problemas com dignidade.

04 - Debochar dos outros
Outra atitude de gente covarde. Qual é a graça de debochar dos outros? Onde isso é divertido? Mas que atitude podre!

05 - Perder tempo com futilidades e inutilidades dentro de uma sala de aula
E como tem gente hoje em dia se divertindo horrores dentro de uma sala de aula quando deveria estar estudando! Para de perder tempo que isso só é diversão para os derrotados. Os vencedores tem uma visão de diversão bem diferente. Já não basta o descaso com que vem tratando a educação os nossos governantes, que já me irrita profundamente, mas o nível máximo é quando o próprio estudante trata com descaso o seu maior bem, aquele que ninguém jamais, em nenhum lugar no mundo poderá roubar de ti. E você aí, achando que está arrasando e sambando na cara do professor. Não é nem raiva o que eu sinto. É pena mesmo!

Esta postagem faz parte do Desafio das 52 Semanas.


Apelo - Vinicius de Moraes

Essa poesia, essa música, é tão absolutamente linda que eu a amo bobamente!!!!


Ah, meu amor não vás embora
Vê a vida como chora, vê que triste esta canção
Não, eu te peço, não te ausentes
Pois a dor que agora sentes, só se esquece no perdão
Ah, minha amada me perdoa
Pois embora ainda te doa a tristeza que causei
Eu te suplico não destruas tantas coisas que são tuas
Por um mal que eu já paguei


Ah, minha amada, se soubesses
Da tristeza que há nas preces
Que a chorar te faço eu
Se tu soubesses num momento todo arrependimento
Como tudo entristeceu
Se tu soubesses como é triste
Perceber que tu partiste
Sem sequer dizer adeus

Ah, meu amor tu voltarias
E de novo cairias
A chorar nos braços meus

15 de 52 semanas: O que há de pior no mundo virtual?

Tantas coisas são ruins no mundo virtual que estou sentindo dificuldades em listar apenas 5. Mas vou tentar, vamos lá.

01 - Invasão de privacidade
Uma das coisas mais tristes que vejo pela internet é a invasão da privacidade das pessoas, tanto pessoas comuns quanto pessoas famosas. Acho também que para evitar isso as pessoas podem tomar algum cuidado para não se exporem tanto, pois infelizmente, de pessoas bem intencionadas o inferno está lotado.

02 - Apropriação indevida da produção intelectual alheia
Não é necessário tecer comentários a respeito deste item, não é verdade? Se não é seu, admire, se inspire, mas não copie e nem faça uso sem autorização ou sem creditar o autor. Você pode inclusive, sofrer um processo jurídico se não respeitar o direito intelectual do produtor.

03 - Fofocas
Não só no mundo virtual, mas no real também. É o fim da picada e muita falta do que fazer. Acredito que quem tem tempo para cuidar da vida dos outros certamente não tem muito o que fazer com sua própria vida, pois do contrário de que forma ela iria encontrar tempo para fofocar?

04 - Pessoas que escrevem errado
Se você nasceu no Brasil, sempre morou no Brasil, frequentou escolas no Brasil, por que não sabe escrever bem o português brasileiro? Por quê? Você não precisa saber escrever todas as palavras, mas as de uso diário e comum é inaceitável que você não conheça a forma correta de escrever. Acho que escrevem errado de propósito, não é possível!!!
E, sempre aparece uma criatura sem cabimento pra encher o saco dizendo que a culpa é das escolas, dos professores, da vida difícil, da falta de oportunidades, do diabo a quatro... afinal, é mais fácil culpar os outros do que se esforçar, não é verdade? Sabe o que ajuda bastante a expandir o vocabulário, a desenvolver a capacidade argumentativa e a escrever corretamente? LEITURA!

05 - A falsa vida perfeita
Aquelas pessoas que você sabe que estão mais ferradas mas que ficam ostentando vida linda na internet. Sério, isso não é da minha conta, não dou palpite a respeito, mas sinto pena. Isso é felicidade? Isso é vida perfeita? Eu tenho uma teoria mais pé no chão do que seja felicidade e vida perfeita não me convence.

Esta postagem faz parte do Desafio das 52 Semanas.